Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Olhar o Horizonte...

Olhar o Horizonte...

Casar ou não casar?


Olhar o Horizonte...

26.11.18

Casar ou não casar, eis a questão?

Há pouco recuei na programação do "AXN" para ver "O Mentalista", uma das muitas séries que adoro, e estava a terminar um filme, em que passavam os nomes do elenco e de toda a restante equipa, e numa pequena "caixa" ou em vocabulário de televisão "Bolacha" (há outro termo, mas não me recordo), surgiam umas entrevistas de rua, onde questionavam às pessoas se pretendiam casar. Não vi todas as respostas porque entretanto fui à cozinha fazer chá, mas eis algumas das respostas: nem pensar; nunca foi minha intenção casar; sou divorciado, mas gostava de voltar a casar. As respostas não estão aqui explícitas tal e qual como foram ditas, mas semelhantes.

Há casais que namoram muitos anos, mais de 10, depois casam-se, e passados poucos meses divorciam-se! Outros nem um ano namoram, e casam-se de repente e de repente se separam! Outros estão casados já há muito anos e decidem, passados mais de 10 ou 15 anos que não têm nada a ver um com o outro...Enfim...

Altualmente as relações estão muito degradadas. Não querendo com isto dizer, que não existem as que são quase perfeitas, em que realmente o casal gosta um do outro, se respeita, e que de facto consiga ter uma relação para a vida toda.

Atualmente as pessoas (não todas) estão mais egoístas, pensam única e exclusivamente nelas mesmas, e não têm respeito umas pelas outras.

Numa relação tem de existir amizade, respeito, sinceridade, honestidade, lealdade. Os casais devem falar muito, em especial quando surge um problema. O diálogo é a palavra-chave para muitos problemas. Se as pessoas falassem e soubessem ouvir, e não só entre casais, tudo seria mais simples.

 

Confesso que acho bonito um casamento; a festa em si, o vestido de noiva, e a comida que é sempre maravilhosa! :)

 

Se vou aqui aconselhar se deve ou não casar; não, não o vou fazer, até porque é uma decisão que tem de partir de si; cada pessoa sabe o que é melhor para si. Se ambiciona casar, case-se; se ambiciona apenas se juntar, junte-se; se quiser ficar para sempre solteiro/a, então que o seja. Apenas aconselho que "não faça aos outros o que não gostaria que lhe fizessem a si". E dito isto; seja feliz. Lembre-se, que no caso de relações, nada nem ninguém é perfeito, mas respeitando as diferenças, tudo funciona.

Outro aspeto importante, nunca, mas nunca "desligue" dos amigos por causa de uma relação, pois os amigos são para sempre!

 

Casar ou não casar? A decisão é sua!

 

Seja Feliz! :)

 

 

 

 

 

1 comentário

Comentar post

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Mensagens

Mais sobre mim

foto do autor